RJ: Aprofundamento da crise joga famílias à condição de pedintes

A- A A+

Foto: Bruno Alfano

O atraso no pagamento do aluguel social das cerca de 1.800 famílias cadastradas pela prefeitura do Rio de Janeiro tem lançado centenas de pessoas à condição de pedintes.

A situação levou Roseneia de Souza Gomes, de 45 anos, a ir para as ruas com os filhos pedir dinheiro para se alimentar.

A crise do capitalismo burocrático agudiza as condições de vida do povo, ampliando a fome e o desemprego. Segundo informações apuradas pelo Jornal Extra, Roseneia afirma que para garantir o pagamento do aluguel teve que retirar do valor de R$362,00 que recebe do bolsa família juntando mais R$38,00 para completar o pagamento do aluguel, além disso ela declarou que não tem conseguido emprego, embora tenha deixado currículos.

A família de Rosenea é um caso dentre outras centenas que tem sido obrigadas a pedir ajuda nas ruas para poder garantir a alimentação sua e de seus filhos.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja