AL e RO: Camponeses erguem barricada em repúdio à contrarreforma da previdência

A- A A+

Camponeses protestaram em várias regiões do país contra a 'reforma' da previdência e pelo direito à terra, no dia nacional de mobilizações marcado para 19 de fevereiro.

Em Pernambuco dezenas de trabalhadores organizados pela Liga dos Camponeses Pobres do Nordeste (LCP-NE) e pelo Movimento de Luta pela Terra (MLT) ergueram barricada com galhos de árvore e pneus em chamas, bloqueando a pista da BR101 no interior de Alagoas.

O combativo protesto denunciou, além dos ataques contra os direitos previdenciários, as criminosas reintegrações de posse promovidas contra os camponeses em luta pela terra.

Faixas com as consignas: Fora Temer e sua quadrilha! Abaixo as contrarreformas antipovo e vende-pátria!, Abaixo a contrarreforma da previdência e Abaixo as reintegrações de posse ilegais também foram estendidas na rodovia, que é a principal e mais movimentada da região. 

Camponeses tomam as ruas de Jaru

No município de Jaru, localizado a 291 Km da capital, centenas de pessoas, dentre camponeses, professores, trabalhadores rurais e demais categorias tomaram as ruas da cidade para manifestar seu repúdio à contrarreforma da previdência no dia 19/02.

Participaram da manifestação diversos movimentos camponeses, dentre eles a Liga dos Camponeses Pobres (LCP) e o Movimento dos Sem Terras (MST), além de sindicatos de trabalhadores rurais e entidades de outras categorias como: o Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia (Sintero), o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR), o Sindicato dos Servidores Federais de Rondônia (Sindsef), o Sindicato dos Urbanitários (Sindur) e o Fórum das Entidades Trabalhadoras de Rondônia (Fetraron).

Foto: Flávio Afonso

A concentração do protesto aconteceu na praça da escola Capitão Sílvio de Farias, no centro da cidade, de onde os presentes seguiram em marcha pelas principais ruas e avenidas do pequeno município de 56 mil habitantes. Entoando palavras de ordem contra o gerenciamento federal de Michel Temer/PMDB e sua 'reforma' da previdência, os manifestantes fizeram uma parada em frente à sede do INSS, na avenida Rio Branco, seguindo logo depois em direção ao Fórum, Ministério Público e Câmara Municipal. O ato foi encerrando em frente à residência do deputado Lúcio Mosquini/MDB.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja