PA: Pistoleiros atacam e torturam camponeses em São João do Araguaia

Camponês agredido covardemente por pistoleiro. Foto de Foto de Evangelista Rocha

Com informações da Comissão Pastoral da Terra (CPT)

 

Cerca de 10 famílias foram atacadas e torturadas por pistoleiros fortemente armados no município de São João do Araguaia, no sudeste do Pará, na tarde de 4 de maio.

O bando de pistoleiros, com 8 a 12 indivíduos de rostos cobertos e portando escopetas e revólveres, chegou no acampamento (situado às margens do rio Araguaia) em duas caminhonetes.

Os camponeses durante quase uma hora ficaram sob o domínio dos pistoleiros, que realizaram uma sessão de tortura com as famílias acampadas.

Os trabalhadores foram agredidos a golpes de facões e coronhadas. Os barracos dos camponeses foram incendiados com todos os seus pertences dentro.

Crianças foram covardemente agredidas. Os criminosos efetuaram disparos próximo aos ouvidos de duas crianças gêmeas de três meses de idade para aterrorizar a mãe delas. Outra criança foi derrubada e pisoteada.

Uma mulher grávida também foi pisoteada e sofreu um sangramento, correndo o risco de perder o filho.

As famílias foram forçadas a subir nas duas caminhonetes apenas com a roupa do corpo e foram levadas para a Vila Santana, na rodovia Transamazônica, cerca de 30 quilômetros do acampamento.

Os camponeses atacados e torturados covardemente já haviam sido despejados em janeiro deste ano da fazenda Esperantina, registrada no nome da siderúrgica Sidenorte Marabá, por decisão da Vara Agrária de Marabá.

“Mesmo longe dos limites da propriedade, os pistoleiros não deixaram de perseguir as famílias. A ordem dada pelos pistoleiros foi para que as famílias fossem para o Tocantins e não ficassem mais no Pará. O uso de grupo de pistoleiros para fazerem despejos ilegais e torturarem trabalhadores sem-terra tornou-se uma prática recorrente de fazendeiros da região. Nos últimos dois anos foram cinco ações dessa natureza. Por outro lado, não há informações se a Polícia Civil tenha investigado e responsabilizado alguém por organizar essas milícias armadas na região sudeste do Pará.”, denunciou a CPT, em nota divulgada no dia 7 de maio.

NÃO SAIA AINDA… O jornal A Nova Democracia, nos seus mais de 18 anos de existência, manteve sua independência inalterada, denunciando e desmascarando o governo reacionário de FHC, oportunista do PT e agora, mais do que nunca, fazendo-o em meio à instauração do governo militar de fato surgido do golpe militar em curso, que através de uma análise científica prevíamos desde 2017.

Em todo esse tempo lutamos e trouxemos às claras as entranhas e maquinações do velho Estado brasileiro e das suas classes dominantes lacaias do imperialismo, em particular a atuação vil do latifúndio em nosso país.

Nunca recebemos um centavo de bancos ou partidos eleitoreiros. Todo nosso financiamento sempre partiu do apoio de nossos leitores, colaboradores e entusiastas da imprensa popular e democrática. Nesse contexto em que as lutas populares tendem a tomar novas proporções é mais do que nunca necessário e decisivo o seu apoio.

Se você acredita na Revolução Brasileira, apoie a imprensa que a ela serve - Clique Aqui

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Avenida Rio Branco 257, SL 1308 
Centro - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de Apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro

E-mail: [email protected]om
Reuniões semanais de apoiadores
todo sábado, às 9h30

Seja um apoiador você também:
https://www.catarse.me/apoieoand

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda (licenciado)
Victor Costa Bellizia (provisório)

Editor-chefe 
Victor Costa Bellizia

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão (In memoriam)
Henrique Júdice
Matheus Magioli Cossa
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação
Ana Lúcia Nunes
João Alves
Taís Souza
Gabriel Artur
Giovanna Maria
Victor Benjamin

Ilustração
Victor Benjamin