Índia: Soldado morto por explosivo de maoistas

A- A A+

Um soldado da Força Policial da Reserva Central (FPRC) de Jaunpur (estado de Uttar Pradesh) foi morto pela explosão de um explosivo no distrito de Sukma (Chhattisgarh), no dia 24 de maio. A ação foi empreendida por combatentes do Exército Guerrilheiro Popular de Libertação, dirigido pelo Partido Comunista da Índia (Maoista).

Rajesh Kumar foi subinspetor do 206º do Batalhão de Comando para Ação Resoluta (CoBRA), uma unidade especial da polícia local. De acordo com o blog secoursrouge.org, a explosão ocorreu por volta das 7 horas e 45 minutos da manhã, em uma área arborizada perto da vila de Puswada. O agente da repressão fazia parte de uma brigada de patrulha de reconhecimento na área.

A FPRC é a maior das forças armadas da Polícia Central da Índia e é amparada pelo Ministério do Interior do governo.

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: [email protected]

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Matheus Magioli Cossa

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Galhasi de Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Matheus Magioli Cossa
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Matheus Magioli Cossa
Ana Lúcia Nunes
Matheus Magioli
Rodrigo Duarte Baptista
Vinícios Oliveira