Primeiro dia do 38º ENEPe transborda entusiasmo com centenas de estudantes

A- A A+
 

O dia 11 de julho é um marco para a pedagogia brasileira, combativa e de luta. Iniciou-se o 38° Encontro Nacional de Estudantes de Pedagogia na Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL). O encontro tem como lema: Contra a intervenção militar: em defesa da gratuidade, democracia e autonomia das universidades.

Estão presentes mais de 400 estudantes representando doze delegações, de Norte a Sul do país, elevando a importância de um plano de lutas para a pedagogia a nível nacional.

A primeira mesa de debates sobre a situação nacional foi composta pelo ativista e escritor, Igor Mendes, e o ativista das Brigadas Populares do Pará, Raimundo. Os palestrantes expuseram o quadro de crise política nacional, reflexo da crise geral do capitalismo burocrático no Brasil e o papel das Forças Armadas que maquina seu golpe de Estado contrarrevolucionário em curso, com vistas a prevenir o inevitável levante das massas. As intervenções deram ênfase também à combatividade dos camponeses na luta pela terra.

A Plenária de Abertura iniciou-se com uma grande apresentação do grupo mirim Afro Oolomin Aye, da comunidade de remanescentes quilombola Muquem, valorizando a resistência da cultura popular do país. Na Plenária, todas as delegações fizeram suas saudações classistas e combativas, denunciando todo o oportunismo e imobilismo dentro de suas universidades.

Os estudantes foram boicotados por suas reitorias, que tentaram de todas as formas impedir sua participação no evento. Práticas como cancelar o ônibus dos estudantes de última hora foi um dos casos. Frente as dificuldades, os estudantes se mobilizaram para vender brigadeiros, paçocas e outros levantando fundos para pagar o ônibus e todos os seus gastos de forma independente.

No primeiro dia do Encontro, as delegações deram uma verdadeira demonstração de vigor e entusiasmo. A delegação do Paraná, por exemplo, entrou pelos corredores entoando a célebre música de Zé Bentão Deixa esse povo passar e levantando bem alto a bandeira da Revolução Agrária como solução cabal para pôr fim a toda exploração do latifúndio.

LEIA TAMBÉM

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja