UERJ: Panfletagem contra a farsa eleitoral conclama estudantes e trabalhadores a boicotar as eleições!

A- A A+


Repercutimos a seguir nota publicada pelo Movimento Estudantil Popular Revolucionário (MEPR) sobre uma exitosa panfletagem contra a farsa eleitoral realizada na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).


No dia 18 de setembro, terça-feira, ocorreu uma vigorosa panfletagem do MEPR na UERJ. A atividade começou as 17h30m e se estendeu até 19h30m. No total, mais de 500 manifestos Não Vote: Lute! e 200 edições antigas do Jornal A Nova Democracia foram distribuídos para estudantes, professores, trabalhadores e transeuntes que passavam pela universidade.

Os militantes estenderam também uma faixa com a consigna: Não Vote: Lute! Rebelar-se é Justo! e fizeram falas denunciando a farsa eleitoral que ocorre de dois em dois anos no nosso país. Foi colocado a situação do país de grave crise geral do capitalismo burocrático, com saúde, educação e todos os demais serviços públicos em ruínas. Situação que é provocada pelos sucessivos governos de turno que promoveram ataques contra os direitos do povo.

No terreno da educação, colocou-se a necessidade de organizar uma luta estudantil decidida para barrar o sucatemaneto das escolas e universidades e, principalmente, barrar a privatização da UERJ.

Plano que vem desde os USA e seus “organismos” como Banco Mundial e Fundo Monetário Internacional (FMI). Estes lançam cartilhas e planos de privatização para beneficiar as empresas privadas do ensino, que vêm atuando há décadas no país e, ano após ano, sugam bilhões de reais do dinheiro público.

Denunciou-se, também, a particularidade da situação do Rio de Janeiro, Estado que possui uma intervenção militar em curso. Essa intervenção, ao contrário de sanar o problema da segurança, tem feito exclusivamente incrementar a guerra civil contra o povo e o terror cotidiano vivido por dezenas de milhares de moradores de bairros pobres, favelas e periferias.

Não vote, Lute!
O Brasil precisa de uma Grande Revolução!
Abaixo os cortes de verba da educação!
Rebelar-se é Justo!



Ao longo de toda atividade, muitos estudantes que esperavam nas longas filas recebiam o panfleto e faziam comentários com denúncias do processo farsante, concordando com a atividade. Um servidor terceirizado chegou a pedir adesivos com a consigna “NÃO VOTE, LUTE! REBELAR-SE É JUSTO!”.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas (In memoriam)
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja