SP: Judiciário intimida camponeses para atender ordens do latifúndio

A- A A+
 

Com informações de mst.org

Camponeses que ocupam um latifúndio foram alvo de intimidação. Um oficial de justiça escoltado por quatro viaturas armadas foi até a ocupação da Fazenda Rio Vermelho para “exigir” o que chamou de “desocupação voluntária”. O episódio foi relatado em nota publicada no portal do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

Isso ocorre após audiência na qual o latifúndio foi incapaz de comprovar a produtividade da Fazenda Rio Vermelho e derrubar as vistorias realizadas pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) na área em 2016.

O MST relata que a ocupação da fazenda ocorreu justamente para denunciar a situação de abandono da mesma, “com animais morrendo nos pastos e intensa degradação de nascentes, áreas agriculturáveis e estruturas”.

A natureza de classe do judiciário do velho Estado fica clara quando o juiz da Comarca da Gália, Henrique Dada Paiva, simplesmente ignora os pedidos da superintendência estadual do Incra por uma nova audiência.

Edição impressa

Endereços

Jornal A Nova Democracia
Editora Aimberê

Rua Gal. Almério de Moura 302/4º andar
São Cristóvão - Rio de Janeiro - RJ
Tel.: (21) 2256-6303
E-mail: anovademocracia@gmail.com

Comitê de apoio em Belo Horizonte
Rua Tamoios nº 900 sala 7
Tel.: (31) 3656-0850

Comitê de Apoio em São Paulo
Rua Silveira Martins 133 conj. 22 - Centro
Tel.: (11) 3104-8537
Reuniões semanais de apoiadores
toda segunda-feira, às 18:45

Seja um apoiador você também!

Expediente

Diretor Geral 
Fausto Arruda

Editor-chefe 
Mário Lúcio de Paula
Jornalista Profissional
14332/MG

Conselho Editorial 
Alípio de Freitas
Fausto Arruda
José Maria Oliveira
José Ramos Tinhorão 
José Ricardo Prieto
Henrique Júdice
Hugo RC Souza
Mário Lúcio de Paula
Matheus Magioli
Montezuma Cruz
Paulo Amaral 
Rosana Bond
Sebastião Rodrigues
Vera Malaguti Batista

Redação 
Ellan Lustosa
Mário Lúcio de Paula
Patrick Granja