O samba perde Tantinho da Mangueira

O samba perde Tantinho da Mangueira

Print Friendly, PDF & Email

No último domingo, 12/04, faleceu um importante nome do samba carioca, o cantor e compositor Devanir Ferreira, o Tantinho da Mangueira. Nascido e criado no Morro da Mangueira, Rio de Janeiro/RJ, Tantinho representava a sua comunidade e o samba. Tendo sido entrevistado na edição 184 do AND, aceitou carinhosamente participar das comemorações do aniversário de 15 anos do jornal, realizado no dia 10 de agosto de 2017, na ABI, Associação Brasileira de Impressa, quando conquistou todo o público presente com o seu jeito cativante, simples e o seu grande talento. Atualmente Tantinho estava na Velha Guarda da Mangueira, tendo recentemente participado de shows.

Tantinho da Mangueira cantou na festa de 15 anos do AND

Apresentação do Tantinho da Mangueira na festa de aniversário de 15 anos do AND

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: