RJ: Comitê de Apoio avança na propaganda de AND

RJ: Comitê de Apoio avança na propaganda de AND

Print Friendly, PDF & Email

Com informações do Comitê de Apoio ao AND do Rio de Janeiro

No domingo, 08 de abril, o Comitê de Apoio ao Jornal A Nova Democracia – RJ realizou uma importante brigada de divulgação no bairro Padre Miguel, Zona Oeste da capital. Foram distribuídos 300 jornais entre feirantes e transeuntes da região, em quase 2 horas de atividades.

Em várias situações as pessoas paravam para conversar sobre a crise que assola o país e ouvir mais sobre o AND.

Esta atividade se deu num momento de intensificação das atividades do Comitê na cidade do Rio de Janeiro, no caminho de cumprir com sua tarefa de propagandear o AND, imprensa popular e democrática, tribuna popular, jornal para a revolução.

Estivemos presentes com banquinhas em debates sobre a intervenção militar no Rio de Janeiro; divulgamos AND no ato em repúdio ao assassinato de Marielle; em celebração do Dia Internacional da Mulher Trabalhadora; marcamos presença em eventos na Uerj e UFF; e em debate em escola pública; distribuímos AND no centro da cidade e na periferia; além de brigada de venda nos trens. Sempre conversando e discutindo com a população os pontos mais pertinentes e que mais dúvidas despertam da situação nacional. Foram mais de 200 exemplares vendidos e mais de 400 distribuídos no último mês.

O Comitê de Apoio ao AND – RJ segue seu trabalho vitalmente sustentado pelos jovens, estudantes, intelectuais progressistas, trabalhadores e trabalhadoras que enxergam nesta situação de grande efervescência no país, situação revolucionária em desenvolvimento que o Jornal AND evidencia em suas páginas, o momento em que mais do que nunca se deve agarrar pelos chifres a tarefa de propagandear o caminho para a transformação cabal desta podre realidade.

Os Comitês de Apoio, escola de brigadistas democrático-revolucionários, têm cumprido este papel em todo o país. Formando mais e mais propagandistas e agitadores dentre as massas.

Tomemos em nossas mãos a organização, o estabelecimento e a manutenção de Comitês de Apoio por todo o país, fazendo avançar desse modo o Jornal A Nova Democracia e a correta linha que conduzirá as amplas massas à emancipação.


“Urge elevar a novos níveis a propaganda e a agitação revolucionária em torno da única saída para esta profunda crise política, econômica, social, ética, moral e militar: A Revolução Democrática, Agrária e Anti-imperialista.”.

Editorial de AND, Edição nº 199


Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: