RO: Servidores da saúde em greve

RO: Servidores da saúde em greve

Print Friendly, PDF & Email

Após acordo descumprido pelo gerenciamento do estado, servidores da área de saúde de Porto Velho declararam greve por tempo indeterminado a partir do dia 24 de março.

Entre as reivindicações dos trabalhadores estão a revisão do Plano de Cargos, Carreiras, e Remuneração (PCCR), elaboração dos laudos e pagamento da insalubridade, reajuste salarial, aumento do auxílio-alimentação e o término da obra do Hospital Heuro, que está parada há 4 anos.  

O gerenciamento do estado até então não deu nenhuma contraproposta sobre as pautas de reivindicações. Os servidores estabeleceram o prazo de até 23 de março para que tomem as devidas providências administrativas para evitar a descontinuidade do serviço nas unidades.

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: