RR: Indígenas apreendem aviões e agentes e exigem saúde básica

RR: Indígenas apreendem aviões e agentes e exigem saúde básica

Print Friendly, PDF & Email

No dia 16 de setembro, indígenas de diversas comunidades Yanomami da região de Surucucu, no município de Alto Alegre (norte de Roraima) apreenderam três aviões e prenderam servidores da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai). A ação foi uma resposta ao descaso e ao processo de genocídio em marcha, mais recentemente expressos na morte de duas crianças por falta de atendimento médico, após contraírem malária.

A combativa ação foi realizada por indígenas com suas armas tradicionais (arcos, flechas e lanças) e trajando as pinturas de guerra típicas de suas comunidades. Não há relatos de feridos. Os indígenas, além de rechaçar o processo de genocídio, realizam a ação para exigir a renúncia do atual coordenador do Distrito Sanitário Especial Indígena Yanomami, Rousicler de Jesus Oliveira, pela sua falta de diálogo com as comunidades Yanomami e fracasso do atendimento médico nas mesmas.

O povo Yanomami sofre, desde os anos 1980, política de genocídio por parte do velho Estado burguês-latifundiário, serviçal do imperialismo. A política genocida de roubo e expulsão dos Yanomami de suas terras tradicionais é dirigida, principalmente, pelo latifundiário e conhecido figurão do velho Estado, Romero Jucá, que atua em Roraima.

Além disso, são notórias as supostas “missões antropológicas” financiadas pelo imperialismo dentro das terras destes povos com o objetivo de explorá-los desde o final dos anos 1970.

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: