SP: Pichação chama PM e Dória de “assassinos e terroristas”

SP: Pichação chama PM e Dória de “assassinos e terroristas”

Print Friendly, PDF & Email

Recebemos em nossa redação imagem de uma pichação encontrada em Campinas, região metropolitana de São Paulo, com os dizeres “Dória/PM assassinos e terroristas Rebelar-se é justo! e Unidade Vermelha-LJR“.

Vale recordar que, no dia 1º de dezembro, a Polícia Militar do governador João Dória assassinou nove jovens ao atacar um baile funk que era realizado na favela de Paraisópolis, na zona sul de São Paulo. Os agentes de repressão encurralaram cerca de cinco mil pessoas que participavam do evento. Inicialmente, a imprensa noticiou que os jovens foram mortos por pisoteamento durante o pânico e a correria provocadas pelo ataque policial, porém denúncias feitas por moradores apontam que as mortes foram causadas por agressões físicas, spray de pimenta e bombas de gás.

Ao longo das últimas duas décadas, o jornal A Nova Democracia tem se sustentado nos leitores operários, camponeses, estudantes e na intelectualidade progressista. Assim tem mantido inalterada sua linha editorial radicalmente antagônica à imprensa reacionária e vendida aos interesses das classes dominantes e do imperialismo.
Agora, mais do que nunca, AND precisa do seu apoio. Assine o nosso Catarse, de acordo com sua possibilidade, e receba em troca recompensas e vantagens exclusivas.

Quero apoiar mensalmente!

Temas relacionados:

Matérias recentes: